Chocada!!!


Eu realmente não seu como pude abandonar assim o Papo de Mãe dessa forma.
Recebemos tantas mensagens carinhosas, e a gente ignorando completamente.
Peço desculpas a todos os que vieram por aqui e deixaram um carinho especial.





Este ano coloquei meu filho mais velho na escola e isto nos trouxe novas experiências, sendo que algumas não nos agradou.
Daí decidi falar sobre isso aqui.

Alerta sobre brincadeiras com as crianças


Qual o contexto das brincadeiras dos seus filhos?
Na escola, meu garoto de 5 (cinco) anos, têm sofrido assédio direto.
Umas das coleguinhas dele tem nos incomodado (inclusive a ele) por conta de uma brincadeira muito sem graça e bastante avançada pra a idade deles. Ela afirma constante e cansativamente que vai casar com o Gabriel (meu garoto)
Ele já me reclamou chateado, porque diz que ela o aborrece.
Por conta disso, parei pra me questionar sobre o assunto e me deparei com este tema.
 Desabafei lá no meu blog.


Fico virada com essa onda de algumas mães que já vem trazendo esse tipo de assunto pra uma criança de 5 anos.
Não é nada grave, eu sei. Mas criança tem que viver e falar de coisas de criança; e namoro e casamento pode ser deixado pra mais tarde.
Penso que enquanto a criança está envolvida em assuntos que são além dos limites da sua idade, aqueles temas em que eles realmente deveriam estar concentrados, vão sendo deixados pra trás. E aquelas etapas que são cruciais na vida de uma criança, deixam de ser vividas, causando danos ao seu caráter e deixando lacunas na sua personalidade.
 Está bem que se brinque com esse assunto (procuro não fazer isso), mas os pais têm que impor limites e ver se isso não está se tornando o alvo principal na cabecinha deles.
Uma coisa eu aprendi; a criança segue pelo caminho (vida), ela vai encontrar obstáculos e dificuldades (normal). Onde se encaixam os pais?
Eles são como guias (não carrascos). Devem ensinar qual a melhor decisão a ser tomada (levando em conta que não são perfeitos e passíveis de erros), sempre com amor e sabendo a hora de reconhecer os erros e pedir perdão (sim, pq pai e mãe tb pede perdão).

"A infância é uma fase muito especial para uma criança, é nesta etapa que está em formação a personalidade, o carácter; e é nesta fase que a criança aprende a ser feliz também. Portanto a educação é muito importante, e a participação dos pais nas brincadeiras de criança também é muito importante. Uma brincadeira simples e divertida, vale mais do que qualquer game online, ou qualquer playstation."

Um comentário:

♡Dani+Cleber= Ana Luíza e Clebinho♡ disse...

Olá Lindona...
Tô passando rapido para desejar Um
ÓTIMO FIM DE SEMANA...
Muito Prazer♥

Bitocas♥